07/10/2019
MP do FGTS prevê quebra do monopólio da Caixa como operador do Fundo
 


O governo quer quebrar o monopólio da Caixa Econômica Federal como operadora do FGTS e dar acesso direto aos recursos para os demais bancos. Isso abriria às instituições privadas a oportunidade de financiar com dinheiro do Fundo projetos de habitação , saneamento e infraestrutura , nos quais foram aplicados cerca de R$ 60 bilhões no ano passado.


O relator da MP do FGTS, deputado Hugo Motta (Republicanos-PB), já aceitou incorporar a medida ao texto, após o Palácio do Planalto fechar acordo com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. O parecer será lido em Comissão Mista do Congresso nesta terça-feira. O relatório final propõe ainda o fim do adicional de 10% sobre demissões sem justa causa que as empresas recolhem ao FGTS.

Fonte: Globo/ Foto: Gabriel Monteiro / Agência O Globo
 
 
VEJA TAMBÉM
30/05/2020 - Covid-19 nas comunidades: SC tem mais de 32 mil famílias em situação de vulnerabilidade, diz IBGE
30/05/2020 - Coronavírus em SC: Estado confirma 8.530 casos e 134 óbitos por Covid-19
30/05/2020 - Movimento pela reabertura da unidade da JBS reúne população em carreata pelo centro de Ipumirim
29/05/2020 - SC passa de 130 mortes por coronavírus e chega a 8 mil casos confirmados
29/05/2020 - Lote de 50 respiradores comprados por SC que estava retido em aeroporto é entregue ao governo
29/05/2020 - Pesquisa da CNI mostra que 22% das empresas só têm condições financeiras de manter atividades por ma
PEÇA SUA MÚSICA
  COMO ANUNCIAR
  TOP 10 MOMENTO
  ANIVERSARIANTES
  FÃ DA MOMENTO
  MURAL DE RECADOS
  PROMOÇÕES
  CLASSIFICADOS
  MENSAGEM DO DIA
  NOTÍCIAS
  GALERIA DE FOTOS
  AGENDA DE EVENTOS
 
© - Ideia Good - Soluções para Internet