04/02/2019
Seis países europeus reconhecem Guaidó como presidente interino da Venezuela
 


Encerrado neste domingo o prazo do ultimato dado pelos europeus para o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, admitir a organização de novas eleições no país, seis Estados europeus reconheceram, nesta segunda-feira, o opositor Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela. A Espanha foi o primeiro país a oficializar o apoio ao líder da Assembleia Nacional venezuelana, seguido por Reino Unido, Suécia, Dinamarca, França e Áustria.
Os europeus pressionavam para que Maduro concordasse com um novo pleito presidencial como saída para a crise que assola o país sul-americano. Diferentemente de Estados Unidos, Brasil e outros 16 Estados que já haviam reconhecido a autoridade de Guaidó, os europeus reforçaram que o líder opositor deve conduzir o país a novas eleições o mais rápido possível.

— O governo da Espanha anuncia que reconhece oficialmente o presidente da Assembleia da Venezuela, o senhor Guaidó, como presidente encarregado da Venezuela para que convoque eleições presidenciais no menor prazo de tempo possível — afirmou Sánchez em discurso no Palácio de Moncloa.
Em gesto simbólico, não vinculante aos membros do continente, o Parlamento europeu aprovou na quinta-feira uma resolução em que reconhecia a autoridade Guaidó, já apoiado por EUA, Brasil, Colômbia e outros 16 países. O ministro de Relações Exteriores do Reino Unido, Jeremy Hunt, destacou que, a partir desta segunda-feira, Londres reconhecerá o líder opositor como "presidente constitucional interino" na Venezuela.

"Maduro não convocou eleições presidenciais no prazo de 8 dias que fixamos. Assim, o Reino Unido, junto a seus aliados europeus, reconhece agora Juan Guaidó como presidente constitucional interino até que se possa celebrar eleições críveis", escreveu Hunt no Twitter.

Fonte: O Globo/ Foto: Andres Martinez Reuters
 
 
VEJA TAMBÉM
12/04/2019 - Presidente da Câmara de Vereadores de Chapecó é julgado por sete tentativas de homicídio
12/04/2019 - STJ confirma autorização para João de Deus deixar prisão
19/03/2019 - Após baixa adesão, SC terá campanha de vacinação contra febre amarela
19/03/2019 - Ex-governador do Paraná, Beto Richa volta a ser preso
19/03/2019 - Lei Seca diminui em 53% mortes de trânsito no Rio em 10 anos de existência
15/03/2019 - Promotores mostram fotos de Bernardo morto e apontam culpa dos quatro réus por 'homicídio repugnante
PEÇA SUA MÚSICA
  COMO ANUNCIAR
  TOP 10 MOMENTO
  ANIVERSARIANTES
  FÃ DA MOMENTO
  MURAL DE RECADOS
  PROMOÇÕES
  CLASSIFICADOS
  MENSAGEM DO DIA
  NOTÍCIAS
  GALERIA DE FOTOS
  AGENDA DE EVENTOS
 
© - Ideia Good - Soluções para Internet