01/03/2021
Santa Catarina registra segunda maior taxa de distanciamento social do país neste sábado
 


Santa Catarina registrou a segunda maior taxa de distanciamento social do Brasil no primeiro dia do Decreto 1.172, que suspende as atividades não essenciais para enfrentamento à Covid-19. Com índice de 44,83% neste sábado, 27, o estado só ficou atrás da Bahia, com 46,17%. Na região Sul, o Paraná registrou 39,06% e o Rio Grande do Sul, 39,37%. Os dados são da plataforma Inloco, que tem medido por geolocalização a movimentação das pessoas pelas cidades e estados brasileiros durante a pandemia do novo coronavírus.

Diante das novas medidas adotadas no estado, as forças de segurança de Santa Catarina intensificaram as ações de fiscalização e orientação em todo território catarinense. Conforme dados da Polícia Militar de Santa Catarina, foram realizadas 4.786 fiscalizações desde a última sexta-feira, 26, até o amanhecer deste domingo, 28, sendo que houve 26 interdições em estabelecimentos comerciais e 26 notificações por irregularidades. No período foram instaurados 45 boletins de Comunicação de Ocorrência Policial, 27 prisões e 398 Boletins de Ocorrência de Termo Circunstanciado.O comandante geral da Polícia Militar de Santa Catarina, Dionei Tonet, destacou o apoio dos 500 novos soldados que estavam trabalhando na Operação Veraneio nas fiscalizações. Eles foram deslocados para 85 cidades, que juntas têm mais de 85% dos registros das contaminações da Covid-19.

“É uma operação que vai durar 15 dias com um objetivo claro de ampliar a fiscalização. O efeito já foi percebido neste fim de semana: tivemos mais que o dobro das interações diárias, ampliamos as ações. Infelizmente temos outras notificações e algumas interdições, porque muitas pessoas ainda não acreditam efetivamente no que precisamos fazer para proteger a nossa sociedade,” pontuou Tonet.

O comandante destacou ainda que, após os 15 dias de fiscalização, os 500 policiais serão deslocados para toda Santa Catarina. “Todas as cidades terão um reforço policial. É uma medida para fortalecer a Polícia Militar, criando uma rede de proteção equilibrada na população.”



O delegado geral da Polícia Civil, Paulo Koerich, disse que os trabalhos integrados de fiscalização no enfrentamento à Covid -19, neste momento delicado, têm trazido importantes resultados na segurança pública catarinense

“A Polícia Civil realizou ações de fiscalização em todas as regiões catarinenses. Um trabalho integrado com as forças de segurança do Estado e também com órgãos municipais. E este é o caminho que iremos seguir para, juntamente com a conscientização das pessoas, melhorarmos este cenário e voltarmos a um patamar de normalidade”, sintetizou Koerich.

Fonte: SECOM/ Foto: Mauricio Vieira / Secom
 
 
VEJA TAMBÉM
14/04/2021 - Sport encaminha acerto com o técnico Umberto Louzer, da Chapecoense
14/04/2021 - Grêmio tem tira-teima em eliminatórias após perder primeiro jogo por um gol
14/04/2021 - Daniela Reinehr determina força máxima para buscar e reaver os R$ 33 milhões aos cofres públicos do
14/04/2021 - Mais de 620 mil micro e pequenas empresas foram abertas em 2020
14/04/2021 - Prefeito de Xanxerê recebe diretoria do Conselho Regional de Turismo do Grande Oeste
12/04/2021 - Medidas restritivas de combate à pandemia são prorrogadas até 26 de abril
PEÇA SUA MÚSICA
  COMO ANUNCIAR
  TOP 10 MOMENTO
  ANIVERSARIANTES
  FÃ DA MOMENTO
  MURAL DE RECADOS
  PROMOÇÕES
  CLASSIFICADOS
  MENSAGEM DO DIA
  NOTÍCIAS
  GALERIA DE FOTOS
  AGENDA DE EVENTOS
 
BR 282 - Em frente a Ideal Veículos, CEP: 89820-000 - Xanxerê - SC
Fone: 49 . 3433 9797 | 49 . 99123 7132
© - Ideia Good - Soluções para Internet